z

5 coisas que parecem livres de sujeiras, mas na verdade estão cheias de bactérias


Jane Silva
Instagram do autor
Wednesday, 06 de May de 2020

Hoje, mais do que nunca, sabemos o quanto é importante a higiene e limpeza. E isso não envolve apenas a si mesmo, mas também no ambiente em que vive - ter uma casa arrumada e limpa reduz qualquer tipo de risco à saúde. No entanto, existem coisas que parecem estar livres de sujeira e, na verdade, estão cheias de bactérias.

Bolsa e carteiras: saímos para diversos locais e na atual situação, procuramos sempre higienizar as mãos - mas nada disso fará efeito se não cuidar da bolsa ou da carteira. A bolsa também é um lugar cheio de bactérias. Não apenas é necessário lavar as mãos toda vez que tocamos em dinheiro, mas também limpar a bolsa e a carteira com um pano com álcool.


Cestos de roupas: com a pandemia, tirar a roupa que usou depois de sair e ficar exposto em ambientes que podem estar infectados é uma das medidas de prevenção. Porém, não basta apenas deixar no cesto e não limpá-lo. Segundo os especialistas, uma roupa íntimas pode deixar cerca de 100 milhões de E. coli na máquina de lavar e contaminar as roupas da próxima roupa. Por isso, é importante também fazer a limpeza do cesto como também da máquina.

Limão: você costuma lavar antes de usar? De acordo com um estudo publicado no Journal of Environmental Health, 70% das fatias desse citros contêm cerca de 25 tipos de bactérias que podem ser prejudiciais à saúde. Assim como qualquer alimento que for comer ou usar, deve-se lavar - a Casca desses alimentos é onde contém bactérias.